AFPDM

Comunicação do Conselho de Administração da AFPDM

Antes de mais, queremos expressar o desejo que os representantes dos Associados, Colaboradores e famílias se encontrem bem.

O momento difícil e inesperado que o país e o mundo atravessam coloca a todos nós e às nossas instituições desafios imensos. Todos vamos ter que estar preparados para as vicissitudes que nos esperam e para as dificuldades que, neste período e num futuro próximo iremos enfrentar.

O Conselho de Administração da AFPDM quer transmitir aos seus Associados e Colaboradores que tudo fará para que todos os seus projetos e todos os seus colaboradores se mantenham juntos, não só neste momento mais conturbado mas também na recuperação, que acreditamos, se iniciará em breve.

A AFPDM é hoje uma Associação de desenvolvimento local que gere uma dezena de projetos, onde trabalham 124 colaboradores quer a tempo inteiro quer a tempo parcial. É com todos eles que queremos sair desta crise, sabendo que vamos enfrentar vários constrangimentos, nomeadamente de índole financeira, que exigirão alguns sacrifícios por parte de todos nós.

Por forma a minimizar o impacto na nossa Associação, o Conselho de Administração tem estabelecido diversos contactos com instituições bancárias, no sentido de assegurar os apoios financeiros necessários para cumprir os seus compromissos, com todos os colaboradores e fornecedores.

Num trabalho conjunto com o nosso gabinete jurídico, estamos a analisar, dentro dos apoios extraordinários emanados pelo nosso Governo para fazer face a esta crise, aqueles que se poderão adaptar à nossa Associação, por forma a minimizar os possíveis prejuízos e impactos das receitas, particularmente sentidas na Casa Europa, CRAM e Formação Contínua da AFPDM.

Agradecemos a colaboração de todos aguardando contributos de cada um dos colaboradores, no sentido de minimizar esta situação.

Mais uma vez agradecemos o empenho de todos deixando uma palavra de apreço e consideração aos colaboradores da AFPDM, que com todos os condicionalismos atuais para a prestação das suas atividades profissionais, têm assegurado o desenvolvimento das mesmas, permitindo assim, o “normal” funcionamento da Associação.

Montijo, 3 de abril de 2020

Presidente do Conselho de Administração

João Luis Candeias Martins

A AFPDM tem pautado a sua atividade em três grandes áreas de intervenção:

  • Educação/Formação
  • Apoio ao Tecido Empresarial e Integração na Vida Ativa
  • Intervenção Social e Comunitária

Atualmente, beneficia de um forte enraizamento local e regional, incluindo o Concelho de Montijo e regiões limítrofes, com as quais mantém uma relação privilegiada, nomeadamente ao nível das acessibilidades. É de realçar o facto da constituição da entidade refletir, através dos seus Associados, os interesses económicos e sociais desta região.

Constituem-se, atualmente, como Associados da AFPDM:

  • Câmara Municipal de Montijo
  • ALISP – Associação Livre de Suinicultores Portugueses
  • Centro Social de S. Pedro do Afonsoeiro
  • ACISTDS – Associação do Comércio, Indústria, Serviços e Turismo do Distrito de Setúbal
  • APPPFN – Associação Portuguesa de Produtores de Plantas e Flores Naturais
  • Cooperativa Agrícola de Santo Isidro de Pegões, C.R.L.
  • Primohorta – Sociedade de Produtores Hortícolas, Lda
  • Sociedade Agrícola de Rio Frio S.A.

A AFPDM|EPM encontra-se reconhecida como Entidade Formadora pelo Ministério da Educação, nos termos do artigo 2.º do Decreto-Lei n.º 71/99, de 12 de março e para os efeitos previstos no artigo 14º do Decreto-Lei 4/98 de 8 de Janeiro (Autorização Prévia de Funcionamento nº 78). Está abrangida pela exceção do Artigo 4º da Portaria n.º 851/2010, de 6 de setembro, como entidade equiparada a certificada pela DGERT.

Com vista à melhoria contínua do serviço prestado pela Entidade e considerando tratar-se de um fator diferenciador, iniciou a implementação Certificação do Sistema de Gestão da Qualidade, norma de referência NP EN ISO 9001 e, desde 2011, constitui-se como uma entidade certificada no âmbito da qualificação de recursos humanos através da intervenção na educação, na formação e na dinâmica socioeconómica da região.

 

 

 

Com vista à melhoria contínua do serviço prestado pela Entidade e considerando tratar-se de um fator diferenciador, iniciou a implementação Certificação do Sistema de Gestão da Qualidade, norma de referência NP EN ISO 9001 e, desde 2011, constitui-se como uma entidade certificada no âmbito da qualificação de recursos humanos através da intervenção na educação, na formação e na dinâmica socioeconómica da região.

VISÃO

A Associação pretende destacar-se como organização de referência, inovadora e competitiva, pautando a sua ação pelas boas práticas e metodologias de trabalho no desenvolvimento da formação e na prestação de serviços de consultadoria.

MISSÃO

A Associação para Formação Profissional e Desenvolvimento de Montijo é uma entidade que se dedica à qualificação dos recursos humanos da região em que se insere, pela intervenção na educação, na formação e na dinâmica socioeconómica em áreas diversificadas, estabelecendo parcerias estratégicas, dinâmicas e funcionais.

VALORES

  • RIGOR… no desenvolvimento das atividades
  • ÉTICA… na forma de relacionamento com os clientes e mercado
  • DINAMISMO… por forma a assegurar uma resposta rápida aos clientes
  • HONESTIDADE… em todas as relações estabelecidas
  • ESPÍRITO de EQUIPA e ENTREAJUDA… entre todos os colaboradores e parceiros

POLÍTICA

  • Satisfação dos Clientes, empresas e instituições, tendo por base o cumprimento dos requisitos e a melhoria do Sistema de Gestão da Qualidade;
  • Implementação de uma cultura organizacional capaz de fomentar a motivação, o envolvimento e a valorização dos recursos humanos;
  • Reforço de ligações e parcerias tendo em vista a consolidação da Associação na Região;
  • Inovação nos produtos e serviços por forma a dar resposta às alterações do mercado;
  • Melhoria dos Recursos materiais e tecnológicos;
  • Garantia da autossustentabilidade da organização;
  • Desempenho de um papel ativo na sua responsabilidade social promovendo boas práticas na área de desenvolvimento sustentável.

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente – João Luís Candeias Martins
Vice-Presidente – Teresa Isabel Roberto Carvalho
Vogal – Marina Isabel Farréu Rama Santos Barata

EQUIPA

Serviços Administrativos

Celeste Maria Silva Ventura
Ana Paula Dias Lopes Arcanjo
Fernando Manuel Raimundo Carapinha

Auxiliares da Ação Educativa

Alda Luísa Gouveia Caria
Lúcia Margarida Soares Pisa

Empregados/as de Limpeza

Ilda Cristina Teresa Chagas Peres
Sónia Alexandra Veríssimo Grade
Sandra Maria Santos Lage Costa

Organograma da AFPDM

Manual da qualidade

Estatutos AFPDM

Escritura Alteração Estatutos APFPDM